quinta-feira, 28 de novembro de 2013

ATIVIDADE FÍSICA EXERCE EFEITOS BENÉFICOS PARA MOTIVAÇÃO


Como médica, posso afirmar que o sedentarismo é fonte de muitos males, não somente físicos, mas espirituais e mentais. Temos conhecimento, através dos meios de comunicação, das vantagens de se levar uma vida mais saudável, na alimentação e na prática de exercícios físicos. Uma alimentação equilibrada, com mais verduras, legumes nos pratos dos brasileiros; frutas, leite, carnes magras e peixes; para os vegetarianos, proteína de soja e grãos. Um saneamento básico e digno para as famílias e a oportunidade de terem água potável em suas casas. Um povo nutrido é um povo forte, é um povo saudável e consciente de suas habilidades e opiniões.

Já para aqueles sedentários “de plantão”, a prática de atividades físicas tem efeitos benéficos por todo o corpo e mente, fazendo-nos mais motivados, atentos e com qualidade de vida.

As doenças cardiovasculares (hipertensão arterial, doença coronariana, acidente vascular cerebral, doença vascular periférica são as maiores causas de morte em nosso país (dados do Ministério da Saúde) e do mundo (OMS), seguido do câncer e da AIDS. São as chamadas doenças crônico-degenerativas. Associado às doenças cardiovasculares, têm-se a obesidade e o diabetes. E adivinhem qual é o fator comum a estas doenças? O sedentarismo.

Quando praticamos alguma atividade física (adequado ao gosto e à idade), há liberação de hormônios cerebrais, entre eles a dopamina e a serotonina, que são hormônios do bem-estar, da sensação boa após os exercícios. Associado a eles, a nível das glândulas adrenais, há a liberação de adrenalina, hormônio responsável por aumentar os batimentos cardíacos (frequência cardíaca), a pressão arterial, fazendo com que o coração bombeie mais sangue para os músculos, cérebro, bem como dilata os brônquios pulmonares, a fim de que possa entrar mais ar (e nele, o oxigênio) para os pulmões. A nível pulmonar, com a passagem do oxigênio, há a transformação do sangue venoso (rico em gás carbônico vindo do sistema venoso periférico para o coração (lado direito) e deste para os pulmões) em sangue arterial, que irá, pelas veias pulmonares, até o coração (lado esquerdo) e deste para todas as artérias do corpo. Todo o nosso corpo é nutrido. Resumidamente, é o que acontece com o nosso corpo.

A atividade física também exerce efeitos benéficos na mente, não somente pela irrigação arterial, mas também para os nossos pensamentos. Quando nos exercitamos, nos concentramos em nossos movimentos, em nossa respiração, em nosso equilíbrio, tomando maios consciência de nós mesmos. Esta prática, pelo próprio efeito hormonal (serotonina e dopamina, principalmente, além de outros), nos dá bem-estar, nos sentimos mais dispostos, mais motivados a enfrentar a dia, os desafios e os planos que fazemos para nós e que queremos realizá-los.

Meus amigos, o sedentarismo só traz doenças físicas, depressão, obesidade, baixa autoestima. Ponhamos um fim no sedentarismo! Mas antes, recomendo consultar um médico para avaliação se você está apto a exercer atividade física.

Não perca tempo em sua vida! Motive-se! Mova-se! Seu coração (aquele “velho” amigo de jornada desde o ventre materno até o fim de sua vida) agradece generosamente!

2 comentários:

  1. É sempre importante lembrarmos disso e dedicar um tempo para nós mesmos.

    ResponderExcluir
  2. O tempo dispensado a nos nunca sera em vao. E para o bem-estar, para a saude do corpo, da alma e do espirito.

    ResponderExcluir