segunda-feira, 25 de novembro de 2013

“A FÉ É O PÁSSARO QUE SENTE A LUZ E CANTA QUANDO A MADRUGADA É AINDA ESCURA” (Rabindranath Tagore)


Como é gostoso acordar pela manhã ouvindo o cantarolar dos passarinhos, não é mesmo? É uma sensação indescritível, uma leveza que, particularmente, me faz sorrir ao acordar.

Acontece que, às vezes, acordamos sonolentos, com uma vontade tremenda de permanecer na cama, concordam? Daí, vem a nossa (grandiosa) consciência que nos instrui e adverte que é preciso levantarmos, nos fortificar espiritualmente para enfrentarmos um novo dia que está começando e está “ávido” para viver conosco novas experiências, amizades, projetos profissionais, trabalho de casa; as ideias estão “curiosíssimas” para saber quando e como elas poderão aparecer e fazer com que todos à nossa volta percebam a chance de fazermos diferentes coisas rotineiras e, algumas vezes, maçantes (quando não colocamos a criatividade em prática).

Pois penso que gostaria de agir como os pássaros. Sim, é verdade. Eles cantam quando ainda está escuro o amanhecer, sem, no entanto, saberem se fará sol ou chuva. Eles cantam para celebrar a vida, o respirar, cada batida de seus coraçõezinhos. É essa Fé que quero ter e permanecer para sempre comigo. Faço questão de exercitar este comportamento de sorrir, cantarolar (mesmo sonada...), comemorar com o espírito agradecido por mais um dia, pela respiração, por cada batida do meu coração. Sinto que todo o meu corpo e minha mente e alma sentem esse vigor, essa energia.

Nossa saúde, amigos, depende disso também. Depende do nosso estado de espírito, de nossas decisões (ainda que custosas) em sonhar e realizar. São os motivos para a ação que insisto em escrever para vocês. Afinal, este blog é sobre motivação...

Cultivem a Fé, a Esperança e o Amor. Eles constituem o “tripé” maravilhoso da firmeza, da humildade, da criatividade, da Graça, do bem viver.

2 comentários:

  1. É verdade. Nossa saúde depende de contemplarmos as coisas mais simples da vida como o canto dos pássaros, já que estamos rodeados de coisas que sugam a nossa serenidade.

    ResponderExcluir
  2. A fe nos faz pensarmos nas coisas simples, realmemte eficazes.

    ResponderExcluir