sábado, 3 de agosto de 2013

TEMOS QUE NOS LIBERTAR DE NOSSO PENSAMENTO INDIVIDUALISTA

É incrível como a humanidade está avançando para o lado cada vez mais individualista! Haja vista como as atitudes se mostram, como os acontecimentos ocorrem e como as pessoas reagem em determinadas situações. Cada vez mais "embotadas", distantes de sentimentos de indignação diante de fatos realmente assombrosos que se "descortinam" diante de nossos olhos. Amigo leitor, tenha cuidado!

Precisamos nos atentar cada vez mais com o que fazemos, executamos e reagimos, mantendo noso pensamento amplo, nssa visão verdadeiramente aberta, ocupando-nos com os objetivos, sim, mas com responsabilidade em saber e conhecer as consequências de nossos atos. É necessário termos em mente palavras fortalecedoras, motivadoras, firmes e construtivas, para o nosso bem e de todos aqueles que nos cercam, conhecidos ou desconhecidos.

Diariamente, me deparo com pessoas que não se preocupam (ou mesmo fazem propositalmente) com o bem-estar coletivo, com a repercussão de seus próprios atos, caminhando no escuro e - o que é pior - levando a muitos à ruína... Não! É imperioso que afastemos para longe de nós esse círculo vicioso, este "emeranhado" de tristezas, destruição e depressão. Este é um pedido de socorro para a humanidade!

Lembremos sempre de, ao amanhecer, nos embuirmos de pensamentos nobres, claros; termos escolhas que edificam verdadeiramente. Com carinhosa insistência, escrevo: é preciso sair de uma vivência medíocre e avançarmos para "águas profundas", em direção à fonte inesgotável de luz, vida, motivação, equilíbrio, a fim de desenvolvermos ações saudáveis, mudando nossa maneira de pensar e agir a partir de agora.

Assim, nos sentiremos e seremos verdadeiramente livres, corretos, lúcidos para trilharmos o caminho com dignidade, motivação, liderando a nós mesmos, em primeiro lugar!

2 comentários:

  1. A humanidade está sim muito individualista, cada um preocupado com si mesmo, é bem verdade. Até mesmos os objetivos individuais parecem estar voltados para a própria pessoa, seus interesses e desejos.

    ResponderExcluir
  2. É vão o sentimento de ser feliz isoladamente. Vivemos em grupos, em sociedade, não dá para negar. É preciso "reprogramar" os sentimentos e pensamentos, a fim de crescermos espiritualmente e fraternalmente.

    ResponderExcluir